Transcon finaliza instalação de GPS nos ônibus das linhas de Contagem PDF Imprimir E-mail
Qua, 20 de Março de 2019 13:58

 

A ins­ta­la­ção de apa­re­lhos do Sis­te­ma de Posi­cio­na­men­to Glo­bal (GPS) em todos os 307 ôni­bus do trans­por­te cole­ti­vo muni­ci­pal de Con­ta­gem será con­cluí­da nesta sema­na.

É o pri­mei­ro passo para o fun­cio­na­men­to do apli­ca­ti­vo para tele­fo­nes celu­la­res e web com infor­ma­ções sobre iti­ne­rá­rios, pre­vi­sões de horá­rios e o moni­to­ra­men­to em tempo real das ­linhas geren­cia­das pela Autar­quia Muni­ci­pal de Trân­si­to de Trans­por­tes (Trans­con). Esses bene­fí­cios para os pas­sa­gei­ros foram exi­gi­dos das empre­sas pela Pre­fei­tu­ra como con­tra­par­ti­da para o rea­jus­te da tari­fa no iní­cio de janei­ro.
Oti­mi­zar a ope­ra­ção e a efi­ciên­cia do sis­te­ma muni­ci­pal de trans­por­te cole­ti­vo é uma das prio­ri­da­des da Pre­fei­tu­ra de Con­ta­gem. As melho­rias tra­rão mais con­for­to, qua­li­da­de e segu­ran­ça para os usuá­rios. Como todo soft­wa­re neces­si­ta de diver­sas infor­ma­ções e espe­ci­fi­ca­ções téc­ni­cas de hard­wa­re para fun­cio­nar, o apli­ca­ti­vo pre­ci­sa de um banco de dados com todas as infor­ma­ções das ­linhas e dos ôni­bus muni­ci­pais. Por isso, após a con­clu­são da ins­ta­la­ção do GPS, os equi­pa­men­tos entra­rão na fase de teste, de apro­xi­ma­da­men­te 30 dias, antes da dis­po­ni­bi­li­za­ção do apli­ca­ti­vo aos pas­sa­gei­ros.
Até a últi­ma sexta-feira (15), a Cen­tral de Moni­to­ra­men­to da Trans­con havia implan­ta­do os apa­re­lhos de GPS em 298 ôni­bus. Segun­do o pre­si­den­te da Autar­quia, Gus­ta­vo Pei­xo­to, a ins­ta­la­ção pos­si­bi­li­ta­rá a cria­ção da base de dados que ali­men­ta­rá o apli­ca­ti­vo do trans­por­te cole­ti­vo muni­ci­pal de Con­ta­gem. "A Cen­tral está fina­li­zan­do a implan­ta­ção do GPS nos nos­sos ôni­bus e ao mesmo tempo atua­li­zan­do todas as infor­ma­ções no soft­wa­re de Con­tro­le de Frota de Con­ta­gem (CDC). Todos os 307 veí­cu­los já estão na pla­ta­for­ma. Os oito que ainda não têm o equi­pa­men­to estão offli­ne, mas logo serão regu­la­ri­za­dos. Além disso, o cadas­tro de iti­ne­rá­rio das ­linhas nesse sis­te­ma está acon­te­cen­do con­for­me pla­ne­ja­do e logo tere­mos nosso banco de dados que sus­ten­ta­rá o apli­ca­ti­vo", afir­mou.
Gus­ta­vo Pei­xo­to expli­cou que o apa­re­lho tam­bém vai faci­li­tar a fis­ca­li­za­ção nas ­linhas. "Esse ser­vi­ço é uma solu­ção que vai auto­ma­ti­zar o pro­ces­so de fis­ca­li­za­ção do cum­pri­men­to do qua­dro de horá­rio e iti­ne­rá­rio. Com o GPS con­se­gui­re­mos moni­to­rar todo o tra­je­to do ôni­bus em tempo real. Sendo assim, caso a empre­sa não cum­pra com os horá­rios e rotas deter­mi­na­das, serão autua­das, con­for­me prevê a legis­la­ção. Além disso, esta­mos mapean­do todos os pon­tos de embar­que e desem­bar­que de pas­sa­gei­ros da cida­de. Com isso, tere­mos agi­li­da­de para aten­der as soli­ci­ta­ções dos usuá­rios. Já no apli­ca­ti­vo, essa infor­ma­ção será essen­cial para apon­tar em qual linha embar­car, o local que o veí­cu­lo está e onde desem­bar­car. Até o momen­to, a equi­pe da Cen­tral de Moni­to­ra­men­to já ­mapeou mais de 1.800 pon­tos e embar­que e desem­bar­que".

Tec­no­lo­gia


O equi­pa­men­to ins­ta­la­do pela Trans­con nos cole­ti­vos con­sis­te em um peque­no apa­re­lho de GPS que fica conec­ta­do ao sis­te­ma elé­tri­co do ôni­bus. Essa tec­no­lo­gia já é muito uti­li­za­da em auto­mó­veis de pas­seio, celu­la­res e ­outros pro­du­tos ele­trô­ni­cos e é essen­cial para o fun­cio­na­men­to de apli­ca­ti­vos que bus­cam infor­mar geo­po­si­cio­na­men­to em tempo real.
Em Con­ta­gem, todos os apa­re­lhos intro­du­zi­dos nos ôni­bus uti­li­zam duas ope­ra­do­ras de inter­net móvel devi­do à preo­cu­pa­ção com áreas que não con­tam com boa cone­xão ou pos­sí­veis que­das de sinal de uma delas. Desse modo, a Cen­tral de Moni­to­ra­men­to não per­de­rá o posi­cio­na­men­to do veí­cu­lo. Os apa­re­lhos con­tam tam­bém com tecla­do fixo embu­ti­do. Caso o moto­ris­ta neces­si­te, pode­rá ­entrar em con­ta­to com a Trans­con ou com a empre­sa con­ces­sio­ná­ria.
Em feve­rei­ro, a Trans­con fez um trei­na­men­to com os fun­cio­ná­rios das gara­gens das empre­sas para apre­sen­tar e orien­tar sobre a uti­li­za­ção do equi­pa­men­to. De acor­do com a Autar­quia, novos encon­tros serão mar­ca­dos de acor­do com as deman­das e ajus­tes ope­ra­cio­nais.

Geren­cia­men­to


A Cen­tral de Moni­to­ra­men­to da Trans­con é o setor res­pon­sá­vel pelo geren­cia­men­to de ope­ra­ção das ­linhas muni­ci­pais. É res­pon­sá­vel tam­bém por fis­ca­li­zar o cum­pri­men­to dos qua­dros de horá­rios, iti­ne­rá­rios e regis­trar as soli­ci­ta­ções de pas­sa­gei­ros. Qual­quer usuá­rio do trans­por­te cole­ti­vo de Con­ta­gem que dese­ja recla­mar, elo­giar ou suge­rir algo deve ­entrar em con­ta­to com a Cen­tral pelo tele­fo­ne 118 (opção 2 e em segui­da opção 1.